segunda-feira, 25 de abril de 2016

Teletubis dizem Oi!


      Rélou creize pípol, tudo GG joinha, joinha?




   Depois de longo e tenebroso inverno, tô voltando, não sei se com assiduidade, mas tentarei. Então senta que lá vem falação!
   E  volto mais doida que nunca. Aqui nessa espelunca temos somente uma Lei,  a minha Lei, a Lei de Crodéti, que é constituída de artigo único, parágrafo único inciso único, tudo único , que segue abaixo:
      Artigo 1 e Único :
   Fica terminantemente proibido, sob nenhuma hipótese, nem que a vaca tussa, mostrar a piriquita e adjacências,  aqui nessa bagaça que insistimos em chamar de blog.
    Dito posto, toca Raul, não pera, segue o post. E aí vem o motivo de toda embromação, que raios de post e imagem é essa?
   Numa conversa no nosso grupo, a Ana Prado do Prateleira de Esmaltes, chegou com uma novidade para cabelos chamado, No Poo e Low Poo. WFT?
   Na mesma hr li "nouPô e louPô"  mas é  "noupu loupu" ,  e me veio na cachola a música de abertura  do programa Teletubbies, quem não conhece veja o vídeo abaixo,  quem conhece relembre
video

    Falei pra vcs que a cabeça não é boa kkkkkkkk. E resolvi ver que história é essa de No/Low poo, que batizei de  técnica teletubis.
 Entrei nesse grupo do face No/Low Poo Cabelos Lisos, aliás um belo grupo, difícil de se ver hoje em dia, onde encontrei mulheres com uma disposição enorme de ajudar, esclarecer dúvidas, sem confusão nem arrogância, as moderadoras são muito prestativas e pacientes, bem diferente de outro que entrei num dia e sai no seguinte.
     Não entendia patavinas desse tal no/low poo, mas por algum motivo, comecei a fuçar na ternéti da vida e acabei me interessando muito pelo tema.
   Afinal o que é no/low poo? É de comer? Darei a seguir e num próximo post (pq o assunto é grande pra ser tratado em um só) as minhas considerações sobre o assunto, mais uma vez lembro a vcs que  existem vários blogs famosos, profissionais e focado no tema cabelo. Aqui no meu caso é a MINHA opinião, despretensiosa, livre de qualquer obrigação, é tão somente uma nova adepta aprendendo, pesquisando, pq não me meto a fazer algo no meu corpo só pq ouvi falar, procuro ter bastante informações sobre.
   Primeiro no meu entendimento isso não é uma técnica, mas sim uma mudança de hábito, deixar de usar produtos que fazem mal ao nosso cabelo e adotar uma prática mais saudável, tipo quem resolve ser vegano, como tenho o cabelo muito fininho e ralo, sempre procurei usar menos química possível, e eis que me deparei com essa maravilha chamada low poo, a seguir uma breve explicação técnica, retirada de uma loja de produtos no/low poo:

O NO/LOW POO, cujo termo patenteado pela Deva, se popularizou em todo mundo como técnicas de tratamento que priorizam a utilização não só de agentes mais leves de limpeza, como também de substâncias que tratem o cabelo por completo, sem mascarar a saúde dos fios.
Ambas as técnicas foram divulgadas pela cabeleireira Lorraine Massey, em seu livro Curly Girl. Neste livro a cabelereira sugeria a utilização de pouco shampoo (Low Poo), ou abolir o uso completo de shampoos (No Poo). - Poo: Shampoo -

A prática de Low Poo, defende a utilização de shampoos com agentes de limpeza de caráter leve, que não agridem a fibra capilar são mais leves, fazem menos espuma e proporcionam limpeza aos fios sem retirar a proteção natural do couro cabeludo.
A técnica também defende a utilização de produtos que não contenham em sua fórmula Petrolatos (parafina líquida -óleo mineral-, vaselina). O uso constante de petrolatos deixa o cabelo pesado e mascara a saúde dos fios. Além disso, os petrolatos, criam uma barreira para a absorção de muitas substâncias presentes nos cosméticos.
No No poo, é abolido o uso de shampoos, mesmo os de caráter mais leves. Sendo assim, além dos petrolatos, não utiliza qualquer produto (máscaras, leave-in, condicionadores) que contenham silicones insolúveis em água, pois estes só são retirados do cabelo com shampoo. A lavagem, chamada co-wash é feita com condicionadores que não contenham silicones.
Sendo assim, a diferença do NO para o LOW poo é que neste último, o shampoo é utilizado com substâncias de limpeza leves e portanto, máscaras, cremes de pentear e demais produtos podem conter silicones que são retirados dos fios com o shampoo. Já o NO POO, por não se fazer a utilização de shampoos, os produtos com silicones insolúveis não são utilizados.
   Resumo by Crodéti:
     No No Poo é abolido o uso de shampoo, seria o vegano radical,  que não come carne, nem derivados de origem animal, tipo ovos, queijos etc
    No Low Poo  usa-se shampoos sem sulfatos fortes, seria o vegetariano que só não consome carnes.
    E  nas duas práticas são abolidos o uso de produtos contendo petrolatos  
    Como não sou chegada a mistificar as coisas,  ou seja não é nenhum ritual místico que precisamos de mantra,  pé de pato mangalô 3 vezes kkkkk, é assunto puramente químico, usar ou não usar.  Em minhas pesquisas do assunto, descobri que quanto mais sulfatos fortes vc usa pra lavar o cabelo para se  livrar dos petrolatos existentes em vários cremes, condicionadores, leave-in , mais vc estimula a oleosidade do couro cabeludo, pois o organismo se ocupa de produzir para proteção, igual as cutículas das unhas, que quanto mais vc retira, mais é produzida. E foi aí que mergulhei de cabeça literalmente kkkkk, a pesquisar e  há 1 mês adotei a prática do low poo. 
      Bom mugueguada por hj já falei demais, volto ao assunto com mais detalhes, e com dicas de produtos Bb, bom e baratos, até receitas caseiras, provando que não precisa gastar o zóio do c%#$u para ter cabelos lindos e saudáveis, aguardem  no próximo batpost, nesse batblog. 
    Agradecendo à tds, cada qual com sua crença, que enviou energia positivas, orações, vibrações à minha mãezinha, que está agora aos poucos se recuperando.

   Tds as fotos usadas nesse post foram retiradas da internet, deixando nelas os créditos devidos.
    Quem tiver interesse em fazer parte do grupo do face, clica no link e solicitem, é um grupo muito bom com uma vibe bem legal, num clima gostoso de interagir, não tem espaço pras criadoras de caso, vulgo barraqueiras kkkkkkkk. 
    Agradecendo a Carolina Rojas, uma as moderadoras que me autorizou o uso de materiais do grupo. 
     Volto ao assunto com mais detalhes. 
   Quem teve saco de ler até aqui e já conhecia ou já pratica deixa um comentário, só não vale xingar. 

                                            Bjundas 

9 comentários:

  1. Chorei com o artigo 1 e único kkkkkkkkkkkkk.
    As cheiradoras já estão nessa também, e oh, já percebi meu cabelo mais brioso e mais macio. Seu post ficou excelente Cro, tudo explicadinho nos mínimos detalhes!

    Beijo!

    ResponderExcluir
  2. Oi. Que bom que sua mãe esta melhor.
    Eu não conhecia, e fiquei curiosa. Vou logo pesquisar.
    Beijos da Jaque
    https://www.facebook.com/Simplesmente-Jaque-478419272168900/
    meucantinhojaque.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Que bom que está de volta e que sua mãezinha está melhorando!

    Já conhecia as técnicas, mas nunca dei mt bola. Amei sua explicação, comparando com vegetarianos e veganos.

    E nem preciso dizer o q to ri, né? Teletubbies é a coisa + besta desse mundo, mas impossível não rir deles e com eles.

    Beijos/Xoxo.

    Anete Oliveira
    Blog Coisitas e Coisinhas
    Fan Page Coisitas e Coisinhas
    Instagram

    ResponderExcluir
  4. Clau

    Ainda to engatinhando no Teletubie, mas logo serei sabida, kkkkkkkk
    Bom ter você de volta!
    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Eu estou nessa também, comecei agora. O complicado é encontrar produtos baratos. Por enquanto me joguei nos Yamasterol da vida.

    beijo
    Ruiva Cohen Store Blog

    ResponderExcluir
  6. Ando às voltas querendo mudar o cabelo, no sentido irrestrito da palavra. Já havia ouvido falar da técnica com menos Xampu ou sem Xampu, mas é realmente uma quebra imensa de paradigma. Meu cabelo está largado, coitado.. precisando de uma boa hidratação... Tô sem tempo mesmo... Depois da formatura vou cortar o mais curto que eu puder, Cabelo cacheado e volumoso, além de dar muito trabalho demanda um gasto enorme... e depois desta tendência, as marcas estão abusando do preço... Um dos Produtos com essas características que eu mais uso/usava, triplicou de preço no último ano... Yamasterol.. Fico pensando se é Crise somente ou se tem uma boa dose de oportunismo dos fabricantes nisso tudo! Beijo, Claudinha. Obrigada pela visita!

    ResponderExcluir
  7. Adorei esse post, confesso que fico confusa com essas denominações!Seu post ajudou demais! Vi um post de um condicionar que usa sem shampoo e fiquei bem interessada!
    Beijos!

    EsmaltadasdaPatyDomingues

    ResponderExcluir
  8. Gostei muito do post, não conhecia esses termos e você esclareceu muito bem!
    Beijos
    Lily’s Nail
    Instagram @lilys_nail_

    ResponderExcluir
  9. Quando fiz o post sobre o mesmo assunto lembrei do Ursinho Pooh. kkk Gosto de produtos assim pq são mais suave para os cachos.

    Bjsss, Lizzie - Esmalte Sempre

    ResponderExcluir

Algumas regras de etiqueta para comentários por Glorinha Kalil:
- Não escreva tudo em caixa alta, parece que está gritando! Uma palavra ou outra é uma boa pedida para ENFATIZAR;
- Não peça para seguir sem antes seguir. É falta de cortesia!;
- Não fale "te sigo se você me seguir", é deselegante;
- Comente sobre o post, não o fazer pode deixar a pessoa pensando que você não se importa com os outros. Comentários sobre a postagem é a melhor forma de divulgar seu blog;
- Se a pessoa já se inscreveu no seu concurso/sorteio/enquete/ fanpage/ crediário/ outros não fique comentando sobre ele ou insistindo para a pessoa se inscrever de novo;
- Não comente apenas "obrigada pela visita" ou "vá no meu blog comentar". Se você quer receber mais visitas e mais comentários, se concentre no post, pois vai fazer a pessoa se interessar por você e ter visitar mais vezes. Além disso, isso é super irritante;
- Seja educado (a): não fale palavras de baixo calão!
- Sim, pode ser sincero (a).
Se tiver blog ou site, deixe o link para nós te visitarmos também
Bjs!